Primeira Turma não reconhece ilegalidade em alteração na ordem de aplicação de prova física de concurso

A Primeira Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), por unanimidade de votos, negou recurso em mandado de segurança interposto por candidatos a concurso de agente prisional que alegavam ter sido prejudicados no certame em razão da inversão na ordem dos testes físicos aplicados. Segundo as alegações dos candidatos, o concurso previa quatro etapas para…